Site da FEAGRI Contato
Colheita de Cana de Açucar

 

A cultura da cana-de-açúcar é uma das atividades que mais geram empregos diretos e indiretos na agricultura (Cana Limpa)

A colheita da cana-de-açúcar pode ser dividida em três tipos (1) manual; (2) mecanizada e (3) com equipamentos de auxílio a colheita, sendo a primeira mais comum no Brasil. A seguir uma descrição desses três tipos de colheita.

Colheita Manual

Na colheita manual, cerca de 24 a 48 horas antes, é realizada a queimada do canavial, para reduzir a folhagem e diminuir o risco de acidente com animais peçonhentos. A partir daí, os trabalhadores cortam a cana com facões e vão fazendo feixes para a medição da produtividade.(SIT, 2002)
A queima da palhada (o resíduo do processo de colheita, que inclui a palha e a ponteira da cana) é realizada para permitir uma maior acesso à cultura, pois possibilita um maior rendimento na colheita, estima-se que dobra a quantidade média de cana cortada por um trabalhador, que é de seis toneladas por dia.(Ciência Hoje, 2002), além de diminuir os custos na colheita.

Na colheita da cana-de-açúcar, até a produção do açúcar e ao álcool, estão incluídas aa atividades do corte manual da cana-de-açúcar, que tem uma rotina operacional permeada por agentes penosos, como, por exemplo, o turno de trabalho de 8 horas diárias realizados sob irradiação solar, poeira e fuligem. O pagamento é por produção, ou seja, se interromper o trabalho para tomar água, descansar, ou ir ao banheiro, o cortador deixa de produzir e não recebe. Um cortador de cana que colha 10 ton/dia desfere algo em torno de 10.000 golpes de facão (Laborcana, 2005). A operação do corte é dividida nas seguintes etapas: corte da base da cana, desponte da ponteira e amontoamento ou enleiramento. (Gonzaga, 2004). Ferreira et al., (1998) descreve em detalhes a tarefa dos cortadores de cana-de-açúcar: “Munidos de facões, eles devem cortar a cana com um ou vários golpes na sua base ou pé, despontá-la, e carregá-la com os braços até um local pré-estabelecido, formando montes ou leiras, para que, numa etapa posterior do processo produtivo, tratores carregadores e carregadeiras a transportem para os caminhões que irão para a usina”.

Fonte: Gonzaga, Maria Cristina
O uso de luvas de proteção no corte manual de cana-de-açúcar / Maria Cristina Gonzaga. - Campinas, SP: [s.n.], 2004.

Texto escrito a partir das informações obtidas nos sites abaixo

Mecanização da Colheita de Cana traz beneficio ambiental.

Manual de Auditoria em Segurança e Saúde no Trabalho Rural - Secretaria de Inspeção do Trabalho – SIT 2002
Impactos da OMC nos trabalhadores de cana. J. P. J. Silva. CPT/PE
Ergonomia rural
Programa cana limpa
O lado Azedo da Cana-de-Açúcar
Proteção inadequada machuca e incomoda cortadores de cana

 

Colheita Mecanizada

 

Colheita com Equipamentos de Auxílio à Colheita

A colheita com equipamentos de auxílio à colheita está em fase de implementação no Brasil, através de projeto financiado pela FAPESP.

Para saber mais sobre este assunto, acesse o artigo abaixo:

Colheita de Cana-De-Açúcar com Auxílio Mecânico. (1.848kb)
O. A. Braunbeck, P.S.G. Magalhães,
Feagri/Unicamp.


Acesse também o site::

www.agricef.com.br

 

Clique sobre os artigos para lê-los. É necessário ter o aplicativo Adobe Acrobat Reader instalado, para baixa-lo gratuitamente direto do site da Adobe, clique aqui.
Os artigos aqui apresentados são de responsabilidade dos respectivos autores


Imprimir     |     Voltar     |     Início

 

O link para outros sites é mantido por outros servidores, informações contidas no texto e indisponibilidades momentâneas são de responsabilidade desses.
Indicação de sites é apenas ilustrativa, não sugerindo preferência. Os artigos aqui apresentados são de responsabilidade dos respectivos autores.
Copyright © - FEAGRI - UNICAMP - Todos os diretios reservados - All rights reserved